O Leão e o Cordeiro

Mordomia Cristã  •  Sermon  •  Submitted
0 ratings
· 14 views

O que realmente quer dizer que Jesus é o nosso Senhor e Salvador?

Notes
Transcript
Handout

O Leão e o Cordeiro

Introdução
Introdução
Ficha batismal
Ficha batismal
3. Aceita a Jesus Cristo como o Seu Salvador pessoal e Senhor de sua vida?
3. Aceita a Jesus Cristo como o Seu Salvador pessoal e Senhor de sua vida?
ita a Jesus Cristo como o Seu Salvador pessoal e Senhor de sua vida?
Apocalipse 5.5–6 BEARA
Todavia, um dos anciãos me disse: Não chores; eis que o Leão da tribo de Judá, a Raiz de Davi, venceu para abrir o livro e os seus sete selos. Então, vi, no meio do trono e dos quatro seres viventes e entre os anciãos, de pé, um Cordeirocomo tendo sido morto. Ele tinha sete chifres, bem como sete olhos,que são os sete Espíritosde Deus enviados por toda a terra.
 JEsus é O Leão e o Cordeiro
O que quer dizer que Jesus é o CORDEIRO?
Desde a morte do primeiro cordeirinho quando Adão e Eva pecaram, passando por todos os altares patriarcais até os dias de Jesus, a grande pergunta era:  Quem é o Cordeiro?
 Quem é o Cordeiro?
Quando João Batista viu Jesus se aproximando, por ocasião do batismo de Jesus, ele disse: 
'Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! '
João 1.29 BEARA
No dia seguinte, viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!
João respondeu à questão afirmando que Jesus era o Salvador prometido. Ele era o  Cordeiro que morreria em nosso lugar. 
De fato, o profeta Isaías retrata o messias como o servo sofredor, aquele que levaria sobre sí o nosso pecado. 
Isaías 53.5 BEARA
Mas ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.
Paulo em sua carta aos Filipenses, deixa mais claro o papel central da Cruz no ministério de Cristo  ARA
Filipenses 2.8 BEARA
a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz.
 Jesus é nosso Salvador! Ele tomou sobre si o castigo que era nosso. Pagou o preço do pecado ao morrer em nosso lugar.
Todas as igrejas pregam o Cristo Salvador! Muitos falam sobre o perdão, a misericórdia, o resgate, a nova chance…
Todos pregam O CORDEIRO, mas são poucos os que pregam  O LEÃO!
O Leão da Tribo de Judá dá a Jesus o título de Rei. De fato o apocalipse diz que ele é:
 Rei dos Reis e Senhor dos Senhores
Apocalipse 19.16 BEARA
Tem no seu manto e na sua coxa um nome inscrito: Rei dos Reis e Senhor dos Senhores.
 O Leão e o Cordeiro
Não podemos ter uma pregação pela metade! Não podemos ter uma experiência cristã apenas parcial!
A Bíblia não apresenta Jesus apenas como Salvador, mas também como O SENHOR. 
'antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno.'
2Pedro 3.18 BEARA
antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno.
 Jesus é o SENHOR e SALVADOR
 Ficha batismal
 3. Aceita a Jesus Cristo como o Seu Salvador pessoal e Senhor de sua vida?
O que quer dizer que Jesus é o SENHOR?
O que quer dizer que Jesus é o SENHOR?
().
Romanos 10.9 BEARA
Se, com a tua boca, confessares Jesus como Senhor e, em teu coração, creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.
 Confessar Jesus como Senhor é aceitar o seu senhorio sobre nós.
O que quer dizer é envolvido em confessar Jesus como Senhor? Bem, obviamente a primeira coisa envolvida é falar de nossa aceitação de seu senhorio. Nosso texto de Romanos diz, "Se, com tua boca, confessares Jesus como Senhor...”  
Mas isso não termina aqui. Somente começa aqui. Jesus, de fato, nem mesmo quer que façamos tal confissão se não estivermos querendo agir sobre ela
Ele não quer que o chamemos "Senhor" e "Mestre" se não queremos comprometer-nos a fazer as coisas que ele diz.  Ele mesmo disse:
Lucas 6.46 BEARA
Por que me chamais Senhor, Senhor, e não fazeis o que vos mando?
Confessar o senhorio de Jesus com nossas bocas enquanto não submetemos nossas vidas a ele é inútil.  Ele precisa ser o nosso  SENHOR E SALVADOR.
Colossenses 3.17 BEARA
E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai.
Confessar o senhorio de Jesus com nossas bocas enquanto não submetemos nossas vidas a ele é inútil. 
Se ele é verdadeiramente nosso Senhor, então ele domina tanto nossas palavras como nossos atos.
Isso é MORDOMIA CRISTÃ
 Quando falamos de Mordomia normalmente nos referimos aos 4 T's
Templo
Talento
Tempo
Tesouro

 Mordomia do Templo

Somos chamados a ser mordomos de nós mesmos.
Recebemos o privilégio de nos desenvolver física e mentalmente para alcançar o máximo de nossas habilidades e oportunidades. Ao fazermos isso, trazemos honra a Deus e nos tornamos uma grande bênção para as pessoas ao nosso redor.

 Mordomia dos Talentos

Já falamos sobre os Dons e Habilidades no segundo sermão da série GPS. Você pode assistir a série GPS novamente pelo nosso canal no youtube. Mas gostaria de lembrar dos dois tipos de dons: a funda e a harpa, dons naturais e dons sobrenaturais ou espirituais.
Esses Dons e Habilidades podem ser usados tanto para glorificar a pessoa que o possui quanto o Doador dos talentos. Cabe a nós avaliarmos como temos usado aquilo que Deus nos deu.
Uma igreja saudável tem seus ministérios orientados pelos dons. Quando usamos nossos dons de maneira intensa, glorificamos a Deus e trazemos grandes benefícios para Sua causa.

 Mordomia do Tempo

Sabemos que como bons administradores precisamos usar o tempo com sabedoria. 
Efésios 5.15–16 BEARA
Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, e sim como sábios, remindo o tempo, porque os dias são maus.
A NVI traduz a expressão "remindo o tempo" como "aproveitando ao máximo cada oportunidade". Utilizar o tempo com sabedoria é aproveitá-lo para conhecer melhor o nosso Senhor Jesus, para ajudar nosso próximo e para compartilhar as boas novas.
Quando falamos de tempo não tem como não mencionar o schabat. Deus criou o tempo, e nele, reservou para si o 7º dia, o sábado, com a finalidade de desenvolvermos um relacionamento profundo com Ele. A maneira com que usamos os outros 6 dias, porém, deve ser aproveitando ao máximo cada oportunidade que Deus nos dá, e não derperdiçando horas com cultura inútil.

 Mordomia do Tesouro

Quando Deus criou o homem e a mulher ele nos colocou como administradores deste mundo. Somos chamados a usar seus recursos com sabedoria. Isso inclui a maneira como usamos os recursos financeiros que Ele nos dá.
Assim como 1/7 de nosso tempo (o sábado) pertence a Deus, 1/10 das coisas materiais que adquirimos também pertence a Deus. Assim como o sábado, o dízimo também é chamado de "santo ao Senhor" ().
Levítico 27.30 BEARA
Também todas as dízimas da terra, tanto dos cereais do campo como dos frutos das árvores, são do Senhor; santas são ao Senhor.
Esse sistema é belo em sua simplicidade. Sua justiça é revelada pela aplicação proporcional sobre o rico e sobre o pobre. Na mesma proporção em que Deus nos concedeu o uso de sua propriedade, devemos nós lhe retribuir o dízimo.
Assim como no tempo, o que fazemos com o restante que fica sob nossa responsabilidade deve ser usado com sabedoria para a honra e glória dAquele que é o dono de tudo que administramos.
Dentro desses 90% gostaria de destacar que as ofertas não tiveram uma porcentagem definida por Deus, mas elas apresentam algumas características semelhantes ao dízimo e outras diferentes. Assim como os dízimos, as ofertas também devem ser sistemáticas e regulares. O sistema usado para o dízimo é o percentual, por isso também é orientado que cada adorador faça um pacto de amor com Deus destinando um porcentual de seus ganhos para ser ofertado.
A oferta é diferente do dízimo em seu destino. O foco do Dízimo é a manutenção daqueles que pregam o evangelho, e das ofertas, a manutenção da missão e toda a estrutura necessária para a mesma.
Quando pensamos em dízimo e ofertas corremos o risco de colocar mais ênfase nos dízimos que nas ofertas, mas ambas tem um papel importante na mordomia.
Quero aproveitar para retomar a ideia inicial, e ao meu ver principal, de nossa mensagem de hoje:
Dizimamos pois Jesus é o criador, e portanto dono de Tudo e SENHOR de tudo e todos. O dízimo nos ajuda a reconhê-lo como Senhor de nossa vida.
Ofertamos pois Jesus é o SALVADOR, nossa oferta é baseada na oferta que era oferecida no santuário, o cordeiro que simbolizava o próprio Jesus. Ofertamos pois nosso coração se enche de gratidão diante da MAIOR OFERTA que é o próprio Jesus.
Jesus é o nosso SENHOR e SALVADOR. Por isso, se você esquecer todos esses 4 T's da mordomia, não esqueça do 5º, e talvez aquele que nos dá a melhor perspectiva da Mordomia Cristã:
 TUDO
De faco, afirma: 
Colossenses 3.17 BEARA
E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai.
 Se ele é verdadeiramente nosso Senhor, então ele domina tanto nossas palavras como nossos atos.
TUDO que temos, somos, fazemos, e vivemos É DO SENHOR!
 De maneira prática, podemos pensar no senhorio de Cristo sob trÊs aspectos do nosso viver: o "ser", "fazer" e "estar.
Como fazer a aplicação prática do Senhorio de Cristo na experiência da vida cristã? 
Podemos pensar na “vida”, do ponto de vista temporal, como o nosso “ser”, o nosso “fazer” e o nosso “estar”. 
É um conceito abrangente da nossa integral postura comportamental. O Senhorio de Cristo tem tudo a ver com esses três aspectos do nosso “viver”.
Devo “ser” como o Senhor seria nas mesmas circunstâncias da manifestação do meu “eu”. 
Devo “fazer” o que e da maneira como o Senhor faria no meu “agir”. 
Devo “estar” onde e como o Senhor estaria no meu “andar”. 
Isso não é fácil, mas é possível e deve ser buscado de todo o coração para que possamos experimentar a Sua vontade em nossa vida.
 Quando falamos sobre Administração da Vida estamos falando sobre Senhorio. 
Quem é o Senhor da nossa vida?
Quem estabelece quais são as prioridades em minha vida?
Quem controla a minha agenda?
Quem é soberano na tomada das decisões?
Quem decide?
Related Media
See more
Related Sermons
See more